Cinecartaz

Raul Gomes

Os tubarões da democracia

Ou como os iinteresses de alguns políticos se sobrepõe, à custa dos mais elementares direitos humanos, em favor de uma opinião pública, retrógada e alienada, que a todo o custo quer um culpado, arabe se possível para se sentir tranquila
Guantánamo nunca deveria ter existido, e, apesar das "boas intenções" de o encerrar, inclusivé de Obama e Biden, ainda não foi encerrada.
È a negação total de uma democracia que apregoam, mas de que não se conseguem llibertar, para não traírem o seu eleitorado, rural, xenófobo, ignorante e de tendência maioritariamente supremacista.
Filme de denuncia, bem elaborado, descritivo de todas as vivências nesse campo abjecto a que chamam Gitmo, como antes se chamava nazismo, e às torturas em todo modo iguais.
O magnetismo de Jodie Foster e a bela representação de Tahar Rahim, tornam este filme/denúncia um belo filme, neste deserto cinematográfico que atravessamos.
De alguma forma fez-me lembrar de "Chove em Santiago"

Publicada a 07-06-2021 por Raul Gomes